adestramento de cachorro

5 dicas para adestrar o seu cão

Um treinamento que traz vantagens para você e seu melhor amigo.

O adestramento de cães visa, principalmente, a educação do cachorro. Afinal, esses animais têm dois tipo de relação com os humanos: a de dominante e a de dominado. Assim como crianças, eles precisam passar por um processo de aprendizagem para exercitar a obediência e ensinar sobre limites.

No entanto, é bom lembrar que as atitudes do dono devem ser condizentes com o que se espera do animal. Ou seja, não adianta querer que o animal tenha uma postura se o dono não utiliza uma linguagem adequada ou impõe regras. Lembre-se que cada animal tem sua particularidade, o que os tornam indivíduos, e para cada um existe um treinamento diferenciado, contando com a facilidade de aprendizado e desenvoltura de cada um.

O que é necessário para fazer o adestramento de cães?

Apesar de ser recomendável a instrução de uma pessoa que trabalhe com isso, não é estritamente necessária a presença de um adestrador profissional. Obviamente, com esse profissional, o adestramento de cães se tornará muito mais fácil para o dono, mas ainda sim é possível executar as técnicas em casa mesmo.

Táticas interessantes de adestramento são a recompensa com petiscos, para quando o cão faz o que foi mandado, e o “não” junto com segurar com força a pele da parte de trás do pescoço do cachorro quando for necessário repreender. A repetição é a chave do adestramento.

É importante lembrar que o adestramento não pode incluir: bater no cão; prendê-lo a maior parte do tempo; deixá-lo sozinho e longe de contato com todas as pessoas da casa; provocar o cão ou gritar e se exaltar com ele. O cachorro precisa ter contato com todos os moradores da casa, para sempre reconhecê-los e respeitá-los

Como começar o adestramento?

O adestramento de cães deve ser iniciado com o animal ainda filhote pois, é a fase da construção dos hábitos do animal, de modo que qualquer comportamento equivocado que o cachorro venha a ter já seja corrigido antes de ele entrar na fase adulta. Porém, nada impede que o processo seja realizado com cachorros adultos. Cinco dicas de como realizar o adestramento são:

  • Truques

Nessa etapa você usará petiscos na frente do focinho do cachorro. Para ele sentar, levante a mão até que ele se canse de tentar pegar a comida e se sente. Para ele deitar, vá abaixando a mão até que ele fique deitadinho. Contudo, apenas dê o petisco se ele acertar o comando.

  • Latidos

Crie atividades que consumam a energia do cão, como passeios ou uma garrafa de plástico cheia de petiscos e com furos que ele use para pescar a comida. Lembrando que sempre que ele latir fazer estímulos negativos para que saiba o que você não quer o ele faça.

  • Pulos

Quando o cachorro pular, pise na coleira ou borrife água na direção do rosto dele (não dentro do focinho), o incômodo vai fazê-lo parar.

  • Não roubar a comida da mesa

Enrole uma ponta de fio de náilon em um prato na mesa e amarre a outra em uma lata cheia de moedas, no chão. Quando o cachorro atacar a comida, o barulho da lata o assustará e isso irá evitar outras investidas.

  • Parar de “encoxar” as pessoas

A solução aqui é a bronca. Entretanto, não pode ser da pessoa que está dentro da situação pois, o cão pode ficar agressivo. No entanto, se outra pessoa o recriminar, ele entenderá que fez algo errado.

Como e em quais casos o canil octogonal pode ajudar no adestramento?

Como o nome sugere, esse produto é composto por oito módulos da grade dobrável NF Pet que pode ser montado formando um canil ou pode ser usado em formato de cerca, para delimitar uma área que o pet pode frequentar. Fabricado nos mesmos moldes da cerca modular, é um produto de extrema resistência, é prático e de fácil transporte. Ele pode ser utilizado nas seguintes situações:

Lembre-se sempre que esse treinamento exige repetições até que o animal aprenda o que você deseja. Entretanto, durante o adestramento de cães, faça sempre treinos curtos, com descansos para intercalar, para evitar que o cão canse e perca a atenção.

Então, quer ficar por dentro das nossas novidades? Se inscreva em nossa newsletter!

3 thoughts to “5 dicas para adestrar o seu cão”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *