gato deitado ao ar livre

Comportamento felino: o que o gato quer dizer?

Quem tem um gatinho em casa ou trabalha em pet shop sabe: bichanos são animais interessantes e extremamente comunicativos. Afinal, muito de seu instinto selvagem ainda está presente nos animais domésticos. Porém, para decifrar a linguagem desses incríveis seres, é preciso entender um pouquinho sobre o comportamento felino.

Com fama de traiçoeiros, os gatos são injustiçados com essa reputação. Isso porque eles demonstram bastante aquilo que sentem. Dessa maneira, eles utilizam posições do corpo, como tronco, cauda, orelha e até os bigodes de gato para traduzir suas emoções.

Além disso, outra maneira de comunicação desses pets são os mais variados tipos de sons. Que tal conhecer mais sobre o universo dos gatos? É simples: leia este post e descubra como interpretar o comportamento felino!

Emissão de sons

Os gatos utilizam muito a comunicação vocal para se relacionarem entre si e com seus tutores também. Aliás, nossos gatinhos são capazes de emanar mais de 100 barulhos distintos. Porém, alguns desses ruídos aparecem mais na rotina diária do que outros. Veja quais são os típicos barulhos do comportamento felino:

  • Miado: esse é o som mais famoso dos gatinhos e também aquele que eles mais usam. Geralmente, o mio serve para chamar a atenção dos donos. Além disso, quanto mais forte e mais intenso for um miado, mais o gato está com pressa para ser ouvido. Pode ser fome, medo ou só carência mesmo;
  • Ronronado: O ronronar do gato é um som cheio de cadência que soa bem baixinho. Quando o gatinho ronrona, na maioria dos casos, é porque o felino está feliz e confortável. Porém, às vezes esse ruído pode significar uma doença ou estresse. Assim, se o bichano deixar de comer ou ficar muito quieto, redobre a atenção. O mesmo vale para quando o gato não consegue beber água;
  • Bufos: o gato emite esse ronco quando sente algum perigo, como animais maiores que invadem seu território. Nessa situação, eles querem assustar o suposto inimigo;
  • Grunhido: gatos grunhem quando ficam sob estresse. Esse ruído significa que ele não está para conversa. Por esse motivo, deixe o pet em seu cantinho ao ouvir ele fazendo esse som.

Postura e o comportamento felino

Também é muito comum no comportamento felino recorrer à postura corporal para se manifestar. Conforme a posição da coluna ou do rabinho, dá para saber qual é o humor do bichano. Veja algumas dicas:

  • Coluna levantada: é uma espécie de blefe para “enganar” algum inimigo e parecer maior do que ele realmente é;
  • Agachamento: o gato agacha quando se sente ameaçado. A ideia é ficar em uma posição favorável para sair rapidamente de cena se for preciso;
  • Rolamento: felinos rolam no chão de um lado para outro quando querem brincar ou mesmo ganhar alguma atenção dos donos. No caso de fêmeas no cio, elas também rolam para deixar seu cheiro no ambiente e chamar a atenção dos machos;
  • Orelhas viradas para frente: significa que o bichano está em estado de alerta;
  • Orelhas abaixadas: sinaliza medo;
  • Bigodes de gato: os bigodes de gato são muito empregados no diálogo desses animais. Quando essas pestanas apontam para frente, eles estão desconfiados. Já quando esses pelos estão bem grudadinhos no focinho, é porque eles estão bem tranquilos, numa boa.

Allogrooming

Mais um aspecto interessante do comportamento felino é o allogrooming, algo típico na convivência entre diferentes animais. Essa conduta consiste em lamber outros bichos, da mesma espécie ou não.

Desse modo, eles demonstram intenção de paz após uma briga ou mesmo um sinal de afeto.

Caçada como um comportamento felino de afeto

Também faz parte do comportamento felino caçar outros bichos por aí. Isso acontece porque, na natureza, os gatos são respeitados predadores. Por esse motivo, um bichano pode lhe trazer animais mortos como ratos e pássaros de presente. Nesse caso, por mais nojento que pareça, saiba que é uma maneira de evidenciar carinho e amor por você.

Portanto, o comportamento felino é cheio de detalhes e muito fascinante. Com algumas dicas e paciência para prestar atenção, você vai dialogar muito mais com seu pet. Agora, que tal mais uma chance de fazer seu bichano feliz? É simples: leia também nosso artigo que conta por que o Mr. Bigode é o melhor comedouro para gatos!

One thought to “Comportamento felino: o que o gato quer dizer?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *